domingo, 19 de maio de 2019

Calisto José de Medeiros e Araújo

Por João Felipe da Trindade

No livro “Retalhos do meu Sertão” de José Fernandes, vamos encontrar mais descendentes dos irmãos Rodrigo e Sebastião Medeiros, e entre eles é destacado Calisto José de Araújo Medeiros, nascido na Fazenda Riacho dos Porcos, município de Santa Luzia do Sabugi, da Paraíba, por volta de 1823, e falecido na Fazenda Santana do Município de Santa Cruz, em 28 de abril de 1913, com 93 anos de idade. Além da Fazenda Santana, foi dono da Fazenda Jurema.
Conta ainda José Fernandes que Calisto se casou duas vezes, sendo a primeira com uma moça da família Silva, e a segunda vez com uma irmã de dois genros dele, Manoel Bento Rodrigues e Paulino Bento Rodrigues. Pelos registros da Igreja, descobrimos que na verdade, essa primeira mulher era Ana Felismina da Silva, que faleceu de parto, em 8 de outubro de 1860, com 29 anos de idade, segundo consta nos óbitos de Santa Cruz. Em 20 de julho de 1857, tinha nascido Maria, branca, filha de Calisto de Medeiros e Araújo e de Ana Felismina da Silva, que foi batizada na Capela de Santa Rita, em 9 de janeiro de 1858, sendo padrinhos José Rodrigues da Silva Ferreira e Francisca de Paula Ferreira da Silva, solteiros.
Já nos registros de casamento, encontramos que em 14 de março de 1862, no lugar Ipueira, Calisto de Medeiros e Araújo, viúvo de Ana Felismina da Silva, se casou com Francisca Cesária de Lima, filha de André Joaquim Rodrigues e de Policarpa Maria da Conceição, natural de Bananeiras, sendo testemunhas José Rodrigues da Silva Ferreira e João Nunes de...
Entre os filhos de Calisto e Francisca, encontramos os seguintes registros:
Rita, nascida em 20 de outubro de 1879, filha de Calisto de Medeiros e Araújo e de Francisca Cesária de Lima, batizada em 2 de janeiro de 1888, na Matriz de Santa Cruz, sendo padrinhos Paulino Bento Rodrigues e sua mulher Maria Ana da Conceição.
Em fevereiro de 1866, nasceu Francisco, filho de Calisto de Medeiros e Araújo e de Francisca Cesária de Lima, sendo batizado na Matriz, e tendo como padrinhos Pedro Joaquim Rodrigues  por seu procurador Antônio de Tal e  Francisca Maria da Conceição.
Em 15 de fevereiro de 1867, nasceu Antônio, filho de Calisto José de Medeiros e de Francisca Maria da Conceição, e foi batizado em 28 de abril de 1867, na Matriz, sendo padrinhos André Joaquim Rodrigues e sua mulher Policarpa Maria da Conceição.
Em 15 de março de 1870, nasceu Antônio, filho de Calisto José de Medeiros e de Francisca Cesária de Lima, batizado na Matriz, em abril do mesmo ano, sendo padrinhos André Joaquim Rodrigues e sua mulher Policarpa Maria da Conceição. Este que nasceu em 1870 era na verdade o tenente-coronel Antônio Henrique de Medeiros, que faleceu, segundo notícias de jornal, em 14 de março de 1948, na idade de 78 anos, que tinha se casado duas vezes, a primeira em 1894, deixando dois filhos: Maria do Carmo Medeiros Ferreira de Sousa, casada com Antônio Ferreira de Sousa e Antônio Clóvis de Medeiros: a segunda em 1914, com Maria das Dores de Medeiros, deixando os seguintes filhos: Maria Deluite de Medeiros Sá, casada com Adauto de Sá Leitão, Clodoval Medeiros, Lourival Medeiros, Marionita Medeiros, Ozelita Medeiros, e os menores Joselita Medeiros, Maria Vera e José Danilo.
Em 14 de abril de 1871, nasceu José, filho de Calisto José  de Medeiros e Araújo e de Francisca Cesária de Lima, e foi batizado aos 5 de maio de 1871, na Matriz, sendo padrinho  Manoel Justino de Oliveira Galvão. Logo mais adiante, sem nenhuma observação,  o registro de Antônia, nascida nesse mesmo mês de abril, filha de Calisto José de Medeiros e Araújo e Francisca Maria de Lima, batizada aos 8 de maio do mesmo ano, sendo padrinhos João José de Medeiros Correia e Ana Maria de Medeiros por seu procurador Jacinto José de Medeiros Correia.
Em 20 de março de 1873, nasceu Maria, filha de Calisto de Araújo Medeiros e de Francisca Cesária de Lima, batizada na Matriz, em 20 de abril do mesmo ano, sendo padrinhos Antônio Valério dos Santos e Joana Maria da Conceição.
Em 18 de julho de 1876, nasceu Maria, filha de Calisto de Medeiros e Araújo e de Francisca Cesária de Lima, e foi batizada na Várzea Alegre, em desobriga, aos 24 do mesmo mês e ano, sendo padrinhos Antônio Jácome de Araújo e sua mulher Luzia  Brasileira Bezerra de Araújo.
Maria, filha de Calisto de Medeiros e Araújo e de Francisca Cesária de Lima, nasceu aos 28 de junho de 1877, e foi batizada aos 8 de setembro do mesmo ano, sendo padrinhos Miguel Leite Pereira e sua mulher Rita da Conceição Pereira Freitas.
Em 20 de fevereiro de 1886, na Matriz, se casaram Paulino Possidônio Pimenta, 27 anos, filho de Manoel Eugênio da Silva e Isabel Maria da Conceição, e Carolina Maria de Medeiros, 20 anos, filha de Calisto de Araújo Medeiros e Francisca Cesária de Lima, sendo testemunhas Joaquim José de Oliveira Lima e Paulino Bento Rodrigues. A esposa de Paulino Possidônio, Carolina, ficou conhecida Gâ, apelido que foi transportados para os filhos. Observamos que nas notas de José Fernandes, o nome do marido de Carolina era João Paulino Fernandes Pimenta, mas o registro de casamento dá outro nome, como acima.
Sobre um dos genros, encontramos o casamento: Paulino Bento Rodrigues era filho de André Joaquim Rodrigues e de Policarpa Maria da Conceição, e se casou, em 8 de fevereiro de 1873, na Fazenda  Ipueira Lavada, com Maria Ana da Conceição, filha de Calixto de Medeiros e Araújo e de Ana Felismina da Conceição, falecida, sendo testemunhas Joaquim Nunes Marinho de Carvalho e Manoel Pereira da Costa.
Uma das filhas de Calisto e Francisca, que recebeu o nome de Francisca Merandalina de Medeiros, nascida aos 22 de março de 1868, e batizada aos 19 de abril do mesmo anos, tendo como padrinhos José Rodrigues da Silva Ferreira e Ana Martins da Silva, casou-se com Manoel Rodrigues da Silva. Este faleceu em 10 de junho de 1836, na Fazenda Jurema, Santa Cruz, de colapso cardíaco, Do seu matrimônio com Francisca deixou 22 filhos, 39 netos e 1 bisneto.


casamento de Calisto José de Medeiros e Araújo e Francisca Cesária de Lima

 

 


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário ajudará na correção dos artigos e fotos, bem como na construção de novas informações.