quarta-feira, 13 de março de 2013

Batismo de Luiz Gonzaga de Britto Guerra, Barão do Assú





Por João Felipe da Trindade

Vez por outra, encontro registros que não foram lançados antes, ou lançados em livro não apropriado. Em um dos livros de batismos da Freguesia de São João Batista do Assú, encontrei entre os registros do ano de 1832, o lançamento do batismo do Barão do Assú, Luiz Gonzaga de Brito Guerra, que transcrevo para cá, e ao mesmo tempo, copio sua imagem neste blog.


Luis, filho de Simão de Brito Guerra e Dona Maria Magdalena de Medeiros, esta natural do Seridó, e aquele natural do Assú, freguesia de São João Batista , nasceu a vinte e sete de setembro de mil oitocentos e dezoito, e foi batizado pelo Padre Manoel Fernandes Pimenta, de licença do Reverendo Vigário Antonio de Souza Monteiro a oito de outubro do dito ano, na capela de Santa Ana do Campo Grande, e lhe conferiu os sagrados óleos; foram padrinhos Joaquim Medeiros Dantas e Anna Joaquin de Medeiros, solteiros moradores estes no Seridó, e aqueles desta freguesia do Assú. E por não ter sido lançado, o lancei eu para constar e me assinei. Joaquim José de Santa Ana, pároco do Assú.

Batismo do Barão do Assú


4 comentários:

  1. TOMEI CONHECIMENTO DE SEU IMPOSTANTÍSSIMO BLOG ATRAVÉS DE GRANDE PESQUISADOR DR. MARCOS PINTO.SOU O STPM JOTA MARIA RESPONSÁVEL PELO PORTAL TERRAS POTIGUARES NEWS, COM 1500 PÁGINAS. MEU EMAIL É JOTAMARIAWEST@HOTMAIL.COM

    ResponderExcluir
  2. OK, Jota Maria. Eu já visitei algumas vezes seu blog.Muito bom.Estou fazendo uns artigos sobre os Varella Barca.

    ResponderExcluir
  3. Estas observações são muito importante, pois somente assim é que conhecemos a historia dos nossos antepasados que nos enchem de orgulho.
    Sou natural de Augusto Severo e grande admirador dos filhos ilustres de minha terra.
    Antonio dos Santos de Oliveira Lima (Dr. Lima0
    Engenheiro Agronomo/Radialista/Jornalista/Professor
    Residente em Cruz/CE

    ResponderExcluir
  4. Dr. Lima. A História de nossa terra é rica em detalhes. Entretanto, muitas informações estão escondidas por descuidos dos seus guardadores e das instituições públicas e privadas, que não estimulam corretamente sua divulgação. Vamos, em cada canto deste país, retirar dos velhos baús as ricas informações que estão lá se estragando.

    ResponderExcluir

Seu comentário ajudará na correção dos artigos e fotos, bem como na construção de novas informações.